foi adicionado ao seu carrinho.

4 Dicas para tirar os projetos do papel e atingir suas metas!

Por 17 de fevereiro de 2021Organizando tudo!

Novos ciclos sempre são carregados de otimismo, um novo ano, o aniversário, o início de um semestre. Essa doce sensação de energia renovada e muitos planos em mente é uma das coisas que tornam esses momentos tão poderosos.

Mas com o passar do tempo, é comum retornarmos à rotina e ao desafio de equilibrar tantas áreas da nossa vida. Aí a gente se dá conta que temos muitos planos na cabeça e pouco tempo pra colocar tudo em prática. Isso pode fazer com que a gente paralise e não faça nem uma coisa e nem outra.

Com tanto a fazer, qual estratégia posso usar para começar algo novo? Como dar o primeiro passo para realizar as intenções que determinou no começo do ano? Neste post vou compartilhar dicas especiais para te ajudar a tirar os projetos do papel e iniciar definitivamente seus projetos mais desafiadores.

4 Dicas para tirar os projetos do papel e atingir suas metas!

1 – Entenda – e escreva –  porque esse objetivo é importante para você

Se você não sabe por que a meta é importante para você, então ela é aleatória. Compreender o porquê lhe dará um senso de propósito mais forte, e esse senso de propósito o manterá motivado durante os tempos difíceis. Quando você não tem um senso de propósito, se as coisas começarem a dar errado, nada o impede de rebaixar sua meta e rebaixar o nível.

Para alcançar grandes objetivos ousados, você precisa ser firme no objetivo, mas flexível na abordagem, e ter um forte porquê o ajudará a manter os olhos no prêmio e continuar em tempos difíceis.

Busque algo pelo qual você seja apaixonado, algo que realmente lhe interesse. Isso ajuda a criar um senso de propósito que o motivará a parar de pensar e começar a fazer.

2 – Aceite e trabalhe o seu medo.

Quando começa algo novo, há muitas coisas que podem te dar medo. Pode ser o medo de cometer erros, passar vergonha, admitir que não sabe algo, ou até falhar. O medo é algo natural do ser humano e super necessário, afinal ele atua como nosso aliado, nos sinalizando dos perigos reais.

Mas se esse frio na barriga for um impeditivo para colocar os seus projetos e sonhos em prática, você precisa ter em mente uma frase que gosto muito da Rafa Cappai: “A gente trabalha o medo fazendo coisas que nos dão medo.”. Em outras palavras, a cada vez que você sai da sua zona de conforto e supera seus medos, você constrói degraus que te ajudam a superar medos cada vez maiores.

Se você está muito inseguro sobre algo, reflita: que forma você pode construir degraus para enfrentar esse medo?

3 – Planeje todas tarefas e ações. Mas também saiba dançar conforme a música.

Se suas metas dependem de fatores externos ou de outras pessoas para tornar realidade, isso pode fazer com que você fique paralisado, ou seja, não tome nenhuma ação para tornar aquilo realidade.

Por isso, baseie seus objetivos apenas em você. Se o seu objetivo depende do acaso, é um desejo, não uma meta. Está tudo bem ter desejos, alguns deles podem até se transformar em metas, mas para isso, você precisa entender quais ações deve tomar para chegar ao seu objetivo e se planejar.

4- Celebre cada passo! Reconhecer suas conquistas também é importante!

Durante o caminho para atingir suas metas, provavelmente você encontrará algumas pedras no trajeto. Você irá cometer alguns erros, alguns menores outros maiores, e tá tudo bem! Errar faz parte do processo, e quanto mais cedo você aceitar isso, melhor. Em vez de permitir que a falha te desanime, reveja tudo que aconteceu e aprenda com os erros. Anote o que funcionou bem e o que não funcionou e siga em frente.

Quer receber os posts da A.Craft no seu email?

Autor Liana Uehara

Mais posts por Liana Uehara

Deixe uma resposta