Skip to main content
0

5 Dicas para criar diário de leitura

Por 24 de março de 2021Inspire-se

Mesmo existindo diversos aplicativos para controle de leitura, manter um diário físico é uma forma de ter suas recordações de livros de uma forma mais tangível, ali, sempre pronto para ser consultado e relembrado quando você quiser.

Para que serve um diário de leituras?

Um diário de leitura serve para guardar as leituras que você já fez, suas impressões sobre o livro, gêneros que você tem vontade de ler, listas, e o que mais você quiser.  Quem nunca leu um livro e se esqueceu completamente sobre o enredo? Isso é algo normal, já que com a vida atribulada, às vezes temos dificuldade de guardar histórias na nossa memória de longo prazo, mas segundo artigos científicos o ato de escrever em papel nos ajuda a reter informações.

E mesmo quando um livro é maravilhoso e incrível, nós tendemos a esquecer deles, ou não lembrar de detalhes com o cuidado merecido. Nesse ponto, diários de leitura são uma ótima forma de poder lembrar de histórias, de pensamentos e impressões que tivemos.

Porque eu comecei um diário de leituras?

Como eu faço as resenhas para o meu perfil de livros no meu Instagram @leonorareads, eu comecei acidentalmente um diário: escrevia o que eu achava em um caderninho velho que eu tinha na gaveta, escrevia sobre os personagens, o que eu achei do desenvolvimento do livro, tudo isso para me ajudar na hora de fazer a resenha e ter uma opinião formada mais coerente.

Com o tempo, esse diário passou a ser mais completo, com mais informações que eu acho necessárias, e eu realmente comecei a gostar de sentar para escrever com papel e caneta sobre as minhas leituras. Comecei a achar terapêutico e passei a ser uma leitora mais crítica, por ter mais um tempo de reflexão ao escrever e passei a reparar mais nas nuances e desenvolvimentos das histórias que eu lia.

5 Dicas para criar diário de leitura

Por isso hoje resolvi trazer 5 dicas para começar o seu diário de leituras, e, indiretamente, fazer com que você leia melhor e aproveite mais as histórias!

Dica número 1 – Apenas comece

É normal suas primeiras páginas do diário de leituras não serem esteticamente bonitas, mas o importante é o conteúdo. O diário é para você lembrar sobre coisas que você gostou, não gostou ou aprendeu com aquele livro, então a aparência pode ir se desenvolvendo com o tempo.

Foque primeiramente no conteúdo e no que você quer lembrar a longo prazo, e não se importe tanto se as primeiras páginas fiquem mais feinhas: já já você cria um estilo seu e as páginas ficarão mais bonitas conforme você for aprendendo a decorar do jeito que você gosta.

Dica número 2 – Coloque o quanto de informação que você acha necessário

Quando entramos no mundo do journaling é normal ficarmos atolados com todas as informações que as pessoas guardam nos seus diários, mas o importante é que o diário de leituras é algo feito para você, pra guardar o que você acha importante e pra ninguém mais. Não se prenda a ideias que vão travar o uso do seu diário de leituras, faça com que ele seja prático e que você tenha vontade de trabalhar nele.

Por outro lado, se você é uma pessoa visual, que gosta do tempo que passa escrevendo, desenhando ou cuidando dos seus planners, talvez um diário de leitura mais completo seja ideal pra você se manter motivado.

Seu diário pode ser simples, contendo apenas o nome do livro, autor, suas impressões sobre ele, a data que você fez a leitura e o quanto você gostou, ou ele pode ser mais completo, incluindo até mesmo colagens, desenhos, moodboards que te lembram esteticamente do clima do livro.

De novo, o importante aqui é você fazer o que sente confortável e feliz, e não travar sua criatividade e a constância na qual você escreve no seu diário de leitura.

Dica número 3 – Faça listas

Listas são ótimas: te ajudam a planejar e a pensar no que você já tem e no que você quer e precisa. Tenha uma lista de livros que você quer ler no ano e que você pretende comprar, e tenha uma outra lista dos livros que você já tem e que ainda não leu.

É uma boa forma de fazer com que a sua lista de livros parados acabe e que você apenas compre os livros que realmente está com vontade de ler e que quer ter na sua estante.

Dica número 4 – Coloque objetivos

Os objetivos e metas são bons pra nos deixar motivados e nos lembrar de incorporar a leitura no dia a dia.

O diário de leitura pode servir como um incentivo para ler mais ou ler gêneros que você não está tão acostumado. Por isso colocar objetivos reais é importante para se manter motivado e com vontade de cumpri-las.

Os objetivos podem ser: uma meta quantitativa de livros (como “ler dois livros por mês”), ou uma meta como “ler pelo menos um clássico a cada 2 meses” ou “ler mais autores latino-americanos”.

Dica 5 – Se divirta!

O diário de leituras, no fim de tudo, é algo que você incorporará na sua vida para ter lembranças de livros que você leu. Logo, é muito importante que você se divirta com ele.

Escreva sobre o que você gostou no livro que você está lendo, suas primeiras impressões, o que você achou dos personagens, se o desenvolvimento da história está te atraindo. Plot twists, teorias que você acha do que pode acontecer.

É divertido depois do livro acabado, lermos as anotações que fizemos, porque as vezes achamos que uma história está indo para um lado e acaba sendo completamente diferente do que imaginávamos.

Também escrever frases do livro que mexeram com você, ou que fizeram você ficar reflexivo é uma boa: você sempre vai lembrar dela toda vez que reler seu diário.

Quem faz seu diário é você, use ele como uma ferramenta de memória e de prazer diário.

 

Quer receber os posts da A.Craft no seu email?

Autor Leonora Ferreira de Aguiar

A pessoa obcecada por conforto e por bebidas quentinhas. Leitora ávida, que de vez em quando escreve algo ? insta: @leonorareads

Mais posts por Leonora Ferreira de Aguiar

Participe da discussão Um Comentário

  • Carol Justo disse:

    Eu sou a louca dos caderninhos, tenho um diário pessoal, tenho meu bullet journal, tenho um planner com a visão mensal do ano, tenho um caderno de estudos espirituais (coisas ligadas a wicca, pedras, cristais, astrologia e etc), também tenho um planner de estudos que eu mesma fiz, não dispenso uma oportunidade para ter mais um caderno.
    Vou começar esse de leitura, porque realmente será útil, já que eu não me adaptei a nenhum aplicativo/site e tb porque sou muito esquecida, tem livros que eu li mas não lembro o nome e livros que eu lembro o nome, mas não lembro se li tudo ou não…

    Vou aderir, amei o post

    super beijos
    Carol Justo | Justo Eu?!

Deixe uma resposta

Close Menu